Curvas e Tabelas de Maturidade Profissional

9 de novembro de 2022 - Gestão de Recursos Humanos, Maturidade Profissional

Curvas e Tabelas de Maturidade Profissional

A Curva de Maturidade Profissional Multifatorial corresponde a uma equação que relaciona salários e Maturidade Profissional para cada Grupo Ocupacional, se todos os cargos que a compõem possuem a mesma faixa salarial, ou para cada cargo, se estes apresentam faixas salariais diferentes.

Assim, para aplicar a Avaliação da Maturidade Profissional, a empresa deverá desenhar tantas Curvas de Maturidade quanto o número de faixas salariais que compõem sua Estrutura Salarial.  

A Curva de Maturidade Profissional permite visualizar a evolução ideal do salário dos empregados, de acordo com sua pontuação de Maturidade Profissional.

Este post trata, especificamente, de como desenhar as Curvas de Maturidade Profissional Multifatorial. 

Este conteúdo se destina, principalmente, a gestores e profissionais de empresas e instituições interessadas em implantar o processo Avaliação da Maturidade Profissional nas suas organizações ou que desejem melhorar o processo atualmente utilizado para esta finalidade.

Ele também pode ser útil para consultores na área de gestão de Recursos Humanos, bem como para outros profissionais e estudantes universitários interessados nesta área.

A Equação e o Formato da Curva de Maturidade Profissional

A Curva de Maturidade Profissional apresenta, normalmente, um comportamento exponencial, obedecendo à seguinte equação:

SR = SI x (1+i)M

Onde:
SR = Salário de Referência
SI = Salário Inicial da Faixa Salarial
M = Pontuação de Maturidade Profissional

A taxa de crescimento do Salário em função da Maturidade Profissional ( i ), por sua vez, é calculada com base na seguinte fórmula:

i = (SF/SI)(1/1000) – 1

Onde:
I = Taxa de crescimento do Salário em função da Maturidade Profissional
SF = Salário Final da Faixa SalarialSI = Salário Inicial da Faixa Salarial

O gráfico seguinte apresenta um exemplo da Curva de Maturidade Profissional.

A Curva de Maturidade assim definida pode também ser utilizada para estabelecer Níveis de Maturidade Profissional para cada Grupo Ocupacional ou Cargo, definindo intervalos de pontuação  de Maturidade Profissional para cada nível (Junior, Pleno, Sênior).

Por outro lado, a sistemática da Curva de Maturidade Multifatorial também permite estabelecer o posicionamento salarial de novos empregados, considerando sua qualificação e experiência profissional.

Tabela de Maturidade Profissional

Uma vez definida a Curva de Maturidade é necessário transformá-la numa função discreta, dado que, na prática, as tabelas salariais não são funções contínuas e sim funções discretas.

Para efetuar esta transformação é preciso estabelecer os intervalos de pontuação de Maturidade Profissional que correspondem a cada referência salarial.

O limite superior do intervalo de Maturidade Profissional correspondente ao menor salário da tabela é igual a (1000/# de Referências Salariais).

Assim, por exemplo, se a tabela salarial para um determinado Grupo Ocupacional é composta por 72 referências salariais (salários), o limite superior  do intervalo de Maturidade Profissional correspondente ao menor salário da tabela será igual a 1000/72, o que corresponde a 14 pontos.

O limite superior do intervalo de Maturidade Profissional correspondente ao segundo salário da tabela será igual ao limite superior  do intervalo de Maturidade Profissional correspondente ao menor salário da tabela, acrescido de 14 pontos, e assim sucessivamente.

Generalizando, podemos afirmar que a equação que permite determinar o limite superior do intervalo de Maturidade Profissional correspondente a cada salário da tabela é:

LS = (1000/#RS) x PSR 

Onde:
LS = limite superior do intervalo de Maturidade Profissional
#RS = Número de referências salariais da Tabela Salarial
PSR = Posição da referência salarial na Tabela Salarial

O limite inferior do intervalo de Maturidade Profissional correspondente ao menor salário da tabela será sempre igual a zero.

O limite inferior do intervalo de Maturidade Profissional correspondente a cada salário da tabela, resulta da soma do limite superior do intervalo de Maturidade Profissional correspondente ao salário imediatamente anterior, mais 1.

A tabela seguinte corresponde a um exemplo de Tabela de Salários v/s Maturidade Profissional:

As Curvas e Tabelas  de Maturidade Profissional Multifatorial, além de serem utilizadas para subsidiar promoções horizontais por merecimento (evolução salarial dentro da faixa correspondente ao Nível de Maturidade no qual o empregado está enquadrado) e verticais (evolução funcional e salarial entre dois Níveis de Maturidade), permitem efetuar realinhamentos salariais com o intuito recuperar e garantir o equilíbrio interno dos salários.

Uma Mensagem Final

A PERSPECTIVA Consultores Associados estuda e pesquisa este tema há muito tempo, e tem plena convicção de quanto a Avaliação da Maturidade Profissional pode aperfeiçoar a gestão de Recursos Humanos.

É exatamente essa convicção que nos levou a decidir desenvolver um curso específico sobre este assunto.

Esperamos que o conteúdo deste documento tenha sido de seu interesse, estimulando-o a aprofundar seus conhecimentos sobre esta importante ferramenta de gestão de Recursos Humanos.

Esperamos também sua visita frequente ao nosso blog e contamos com você para compartilhar os conteúdos nele apresentados com seus familiares, amigos, colegas de trabalho, etc., através das redes sociais das quais você participa. Desta forma poderemos contribuir para o desenvolvimento e aperfeiçoamento da gestão de um número significativo de organizações.

Se você deseja conhecer mais detalhes sobre o curso de Avaliação da Maturidade Profissional da Perspectiva Consultores Associados, basta entrar em contato conosco através do e-mail [email protected]

E lembre-se…. “Maturidade tem mais a ver com o tipo de experiência que você teve na vida, do que com quantas velas você apagou”. (William Shakespeare).

🎯 Planejamento Estratégico PessoalTorne-se o Arquiteto do seu Próprio Destino

Para pessoas que sentem alguma dificuldade para elaborar o seu Plano de Vida sozinhas, a Academia Perspectiva desenvolveu um Programa que constitui um guia passo a passo que conduzirá o participante no processo de elaboração do seu Plano Estratégico Pessoal, através de “deveres de casa”, que serão propostos nas diversas Fases do Programa.

Podem participar deste Programa todos aqueles interessados em aumentar seu nível de autoconhecimento, bem como o equilíbrio entre os diversos aspectos essenciais da vida, além de estabelecer objetivos e planos de ação que lhes permitam focar e concentrar seus esforços, recursos e energia em prol de uma vida mais plena e mais alinhada com sua Missão, Visão e Valores e, portanto, mais feliz.

Saiba mais sobre o Programa

Deixe seu comentário