Preferências Pessoais

20 de maio de 2020 - Autoconhecimento, Planejamento Estratégico Pessoal

Preferências Pessoais

Todas as atividades vinculadas à nossa vida pessoal, familiar, acadêmica, profissional e social podem ser classificadas em quatro grupos. A saber:

  • Atividades que fazemos e gostamos de fazer;
  • Atividades que fazemos e não gostamos de fazer;
  • Atividades que não fazemos e gostaríamos de fazer;
  • Atividades que não fazemos e que não gostaríamos de fazer.

No primeiro grupo – atividades que fazemos e gostamos de fazer – é possível que encontremos atividades tais como: prática de esportes, convívio familiar, convívio com os amigos, turismo, algumas atividades profissionais, participação em programas de voluntariado, olhadinha nas redes sociais, etc. 😄

No segundo grupo – atividades que fazemos e não gostamos de fazer – certamente encontraremos alguns deveres pessoais, familiares, profissionais e sociais que fazem parte das nossas responsabilidades, muito mais por necessidade do que por vontade própria, tais como: conviver com determinados parentes, realizar atividades burocráticas, ir ao supermercado, participar de reuniões do condomínio, cozinhar, etc. 😬

No terceiro grupo –  atividades que não fazemos e gostaríamos de fazer – encontraremos atividades que não fazemos por falta de tempo, por falta de recursos financeiros, por procrastinação ou, simplesmente, por falta de companhia, tais como: ler, ir ao cinema, rever antigos amigos, ir à academia, praticar um esporte, aprender um novo idioma, viajar, participar de treinamentos, etc. 💭

No quarto grupo – atividades que não fazemos e que não gostaríamos de fazer – podem ser classificadas atividades que você já conseguiu delegar ou que simplesmente deixou de fazer, tais como: fazer faxina, cozinhar, lavar roupa, viajar a serviço com frequência, assistir TV até tarde, trabalhar em um escritório fechado, trabalhar em atividades não compatíveis com sua profissão, etc. 🥵

Evidentemente, essa classificação de atividades nos grupos supracitados é estritamente pessoal. Assim, um mesmo tipo de atividade pode ser classificada em grupos diferentes, dependendo de quem classifica.

Uma ferramenta que visa a nos ajudar a organizar e visualizar nossa classificação de atividades nos diversos grupos denomina-se “Curtigrama”, e nada mais é do que uma matriz formada por quatro quadrantes, sendo que cada um deles registra um grupo de atividades, conforme ilustra a figura seguinte.

Roda da vida - Curtigrama

Após concluir a classificação de atividades, é importante examinar com atenção aquelas que pertencem aos grupos II e III.

Para as atividades classificadas no grupo II, é preciso analisar se elas podem, ou não, ser delegadas (atribuídas a outro membro da família ou da equipe de trabalho, por exemplo), ou terceirizadas (contratar sua execução junto a prestadores de serviços, por exemplo). Idealmente, elas deveriam migrar para o grupo IV. Quanto menor for o número de atividades classificadas neste grupo, ou quanto menos atenção elas exigirem de você, mais favorável será a situação.

Já para as atividades classificadas no grupo III, é preciso, em primeiro lugar, identificar a causa que gerou sua classificação nesse grupo, dado que eventuais providências a serem adotadas dependem de qual é essa causa. Se a causa for financeira, por exemplo, a forma de tornar a situação favorável pode ser gerar uma renda extra, constituir uma pequena reserva, ou melhorar a gestão orçamentária. Se, por outro lado, a causa for falta de tempo ou procrastinação, é provável que a providência a ser tomada esteja relacionada com a mudança de hábitos ou com uma melhoria na administração do tempo. Idealmente, essas atividades deveriam migrar para o grupo I. Quanto menor for o número de atividades classificadas nesse grupo, ou quanto menos falta você sentir delas, mais favorável será a situação.

Cabe assinalar, no entanto, que mesmo que você consiga otimizar seu Curtigrama, é provável que ainda sobrem algumas atividades classificadas nos grupos II e III. Se isso ocorrer, não se preocupe, nem se desanime. Na vida real, a maior parte das pessoas precisa fazer algumas atividades de que não gosta, mesmo que temporariamente. De igual forma, são muitas as pessoas que, por longo tempo, não conseguem fazer tudo do que gostam. O importante é ter certeza de que você fará tudo o estiver ao seu alcance para minimizar o número de atividades classificadas nesses grupos.

Veja, na sequência, um exemplo do Curtigrama devidamente preenchido.

Roda da vida - Curtigrama Aplicado

Se você quiser aprofundar a análise das suas atividades, considerando suas preferências, sugere-se utilizar a tabela seguinte para avaliar as atividades classificadas no grupo I – Gosto e Faço.

Para preenchê-la, proceda da seguinte forma.

  • Relacione, na primeira coluna, as atividades classificadas neste grupo.
  • Registre, na segunda coluna, a intensidade da sua afinidade em relação à atividade, utilizando a seguinte legenda: (1) Baixa; (2) Média; (3) Alta.
  • Registre, na terceira coluna, a frequência de realização da atividade por semana.
  • Registre, na quarta coluna, o tempo dedicado a esta atividade por semana.  

Na sequência, é possível visualizar um exemplo dos resultados que você pode obter ao realizar essa análise.

Roda da vida - Avaliação atividades Roda da vida - Gráfico Avaliação atividades

Uma Mensagem Final

A PERSPECTIVA Consultores Associados estuda e pesquisa este tema há muito tempo, e tem plena convicção de quanto o Planejamento Estratégico Pessoal pode ser útil e importante para um grande número de pessoas.

É exatamente essa convicção que nos levou a decidir desenvolver um Programa de Planejamento Estratégico Pessoal, o qual visa a auxiliar aquelas pessoas que sentem alguma dificuldade para elaborar seu Plano Estratégico Pessoal sozinhas.

O Programa é composto por seis etapas e dezoito módulos sequenciais que abordam todos os aspectos envolvidos no processo de elaboração do Plano de Vida ou Plano Estratégico Pessoal.

Se você deseja conhecer mais detalhes sobre o Programa de Planejamento Estratégico Pessoal da Perspectiva Consultores Associados, basta entrar em contato conosco através do e-mail perspectiva@perspect.com.br.

Esperamos que o conteúdo deste post tenha sido de seu interesse, estimulando-o a conhecer outros assuntos vinculados ao processo de Planejamento Estratégico Pessoal.

Esperamos também sua visita frequente ao nosso blog e contamos com você para compartilhar os conteúdos nele apresentados com seus familiares, amigos, colegas de trabalho, etc., através das redes sociais das quais você participa. Desta forma, poderemos contribuir para a melhoria da qualidade de vida de um número significativo de pessoas.

Por favor, deixe seus comentários abaixo. Eles serão sempre do nosso interesse e de todos nossos leitores, ajudando-nos a melhorar de forma continua o conteúdo do blog. 🙂

Deixe seu comentário